Em comemoração ao Dia das Mães, DPE-AM promove evento ‘Mães Influenciadoras’

A Defensoria Pública do Estado do Amazonas realizou nesta semana uma programação em homenagem às servidoras da instituição por meio da ação ‘Mães Influenciadoras’. A iniciativa é do setor de Gestão de Pessoas em parceira com o Projeto Defensoria Digital e tem como objetivo despertar uma reflexão sobre os desafios da maternidade na atualidade, onde pais e filhos são cercados pela tecnologia.

A programação alertou ainda para a necessidade de que as mulheres, ao ocuparem este lugar de mãe, são dignas da autocompaixão. Também participou do evento o público masculino da instituição.

Na quinta-feira (5), as servidoras receberam sessões de autocuidado e embelezamento, com a participação de consultoras da marca de beleza Mary Kay. Nesta ação, as mães da Defensoria puderam usufruir de serviços, como limpeza de pele e maquiagem.

Nesta sexta-feira (6), o subdefensor geral, Thiago Rosas, realizou a abertura do evento e parabenizou as servidoras. Em seguida, o bate-papo ‘Maternando na Era Digital’ reuniu especialistas multidisciplinares: a psicóloga Karine Ramos, a fonoaudióloga Millena de Freitas e a pediatra e nutricionista, Silvya de Freitas. As profissionais falaram sobre o impacto do uso das telas (celular, tablets, TV, games, etc.) no desenvolvimento das crianças e adolescentes. A defensora pública Melissa Credie Borborema também participou do bate-papo e relatou sua experiência pessoal como mãe.

A servidora da diretoria administrativa Ana Claudia Souza esteve no evento e disse que a tecnologia veio para mudar nossos hábitos. “Isso tem um lado positivo e negativo, cabe a nós pais filtrar o conteúdo e utilizar da melhor forma possível. O uso do videogame, por exemplo, ajudou meu filho a aprender um novo idioma. Ele brincava bastante e conseguiu aprender o inglês básico através dos jogos. Isso o ajudou quando foi estudar fora do Brasil”, afirmou.

O defensor público Inácio Navarro, que também acompanhou o evento, ressaltou a importância de iniciativas educacionais. “Esse evento traz informações de como nós pais podemos lidar com nossos filhos com todo esse excesso de informação. É importante para o nosso dia a dia aprender a usar essas ferramentas”, avaliou.

Para o coordenador do projeto Defensoria Digital, defensor público Marcelo Pinheiro, é relevante também ampliar as ações do projeto para as escolas e para a comunidade com um todo. “O bate-papo foi muito rico de informações e os impactos da intoxicação digital são muito profundos. Importante esse tema ser abordado dentro do contexto educacional”, disse.

Educação e relaxamento

Na ação, foi distribuído material educativo criado pelo projeto Defensoria Digital. Intitulado “Um Guia Rápido de Prevenção à Intoxicação Digital”, o conteúdo apresenta um alerta sobre os perigos causados pelo excesso de uso de dispositivos eletrônicos por crianças e adolescentes, fornece dicas de como identificar a intoxicação digital no público infanto-juvenil, além de orientações de como lidar com este tipo de situação, tendo uma linguagem simples e didática.

O encerramento da ação “Mães Influenciadoras” ocorreu com uma dinâmica de integração e relaxamento, coordenado pela assistente social da DPE-AM, Cinthia de Freitas Araújo, onde as servidoras puderam compartilhar experiências.

Texto e Fotos: Ítala Lima Fialho/ DPE-AM

Fotos: Evandro Seixas/DPE-AM

Comece a digitar sua pesquisa acima e pressione Enter para pesquisar. Pressione ESC para cancelar.

De volta ao topo
Skip to content